SOBRE O BUGROON 30 DIAS SACHÊ

SOBRE O BUGROON 30 DIAS SACHÊ

O Chá Bugroon tem um composto de ervas medicinais, entre casca, raízes, flores, frutos, folhas, e caules.

As ervas são cuidadosamente preparadas para trabalhar na desintoxicação de todo o seu organismo, reduzindo o colesterol, os triglicerídeos e o ácido úrico; combatendo ainda o reumatismo, a azia e a má digestão.

Bugroon é para quem gosta e acredita que a natureza tem todos os recursos preventivos, para se ter uma boa saúde.

Na verdade, cuidar de você esteticamente é cuidar também de sua saúde e beleza.

DEPOIMENTO REAL DE QUEM UTILIZOU O CHÁ BUGROON

DEPOIMENTO REAL DE QUEM UTILIZOU O CHÁ BUGROON

“Sou Fernando Mori moro na cidade de Presidente Epitácio desde 1959, tenho 1.57m de altura e neste tempo pesava em torno de 75 quilos. Em decorrência no ano de 2004 fiquei doente durante quatorze dias em razão de uma forte crise de labirintite.

Segundo os médicos e os exames laboratoriais, ficou constatado, pressão alta, diabetes, ácido úrico e colesterol elevado.

Fiquei de licença no INSS por dois períodos de 6 meses em virtude de uma profunda depressão.

Eu estava desanimado da vida, nada mais me fazia sentido e ao amanhecer tinha medo de sair da cama para enfrentar um novo dia. Achava que a minha vida tinha chegado ao fim.

Mas para tudo temos resposta e conseguimos passar pela tempestade em que nos rodeiam e em torno do mês de junho do ano de 2007 conheci o sensacional chá Bugroon e passei a experimentar mais um chá que para mim seria mais um que não faria o efeito esperado.

Mas não o efeito foi muito melhor do que eu esperava fui fazendo o tratamento correto e pesava na balança sempre e cada vez melhorava a minha auto-estima e o meu astral e ai consegui voltar tudo o que eu era antes mais com um peso muito melhor de 55 quilos após pouco mais de um ano conforme a segunda foto foi quando passei a me interessar de ser um distribuidor do chá natural da Bugroon.

Hoje sinto imensa alegria de viver e compartilhar esta alegria com outras pessoas. Esta é a razão que sou um distribuidor do chá Bugroon.

Pessoas comentam o que aconteceu comigo, pois eu era um gordo hoje sou magro! E eu digo que foi o chá Bugroon que tomo até o dia de hoje e vendo, mas eu explico que vendo Bugroon  porque é um chá bom e tem efeitos!

Hoje meu colesterol e ácido úrico estão controlados. Minha pressão arterial é baixa, glicemia é de na faixa 84. Tenho bastante ânimo, e o mais importante é que eu continuo magro.

Graças a Deus e ao chá natural Bugroon tenho saúde física, mental e espiritual.”

História do Chá Verde

Conta uma lenda chinesa que no ano 2737 a.C., o imperador Shen Nung descansava sob uma árvore quando algumas folhas caíram em uma vasilha de água que seus servos ferviam para beber. Atraído pelo aroma, Shen Nung provou o líquido e adorou. Nascia aí, o chá.

Esta lenda é divulgada como a primeira referência à infusão das folhas de chá verde, provenientes da planta Camellia sinensis, originária da China e da Índia. Na verdade, o primeiro registro escrito sobre o uso do chá data do século III a.C. O tratado de Lu Yu, conhecido como o primeiro tratado sobre chá com caráter técnico, escrito no séc. VIII, durante a dinastia Tang, definiu o papel da China como responsável pela introdução do chá no mundo.

No inicio do séc. IX, a cultura do chá foi introduzida no Japão por monges budistas que levaram da China algumas sementes. A cultura teve êxito e desenvolveu-se rapidamente. O chá experimentou nestes dois países – China e Japão – uma evolução extraordinária, abrangendo não só meio técnico e econômico, mas também os meios artísticos, poéticos, filosóficos e até religiosos. No Japão, por exemplo, o chá é protagonista de um cerimonial complexo e de grande significado.

A chegada do chá à Europa não foi rápida. As referências mais antigas que se encontram na literatura européia a respeito do chá são atribuídas a Marco Pólo, no relato da sua viagem, e ao português Gaspar da Cruz, que teria citado o chá numa carta dirigida ao seu soberano. Já a sua introdução no continente europeu ocorreu no início do séc. XVII, em função do comércio que então se estabelecia entre a Europa e o Oriente. Ao que parece, foram os holandeses que levaram pela primeira vez o chá à Europa, intensificando o seu comércio, mais tarde desenvolvido pelos ingleses.

Na Inglaterra, o seu consumo difundiu-se rapidamente, tornando-se uma bebida muito popular. Essa popularidade estendeu-se aos países com forte influência inglesa, primeiramente nos Estados Unidos, depois na Austrália e Canadá. Hoje, o chá é a bebida mais consumida em todo o mundo.

Os 5 Benefícios do Chá Verde para Saúde

Os 5 Benefícios do Chá Verde Para Saúde são variados, pois, o Chá Verde possui uma grande quantidade de nutrientes que são essenciais para saúde geral do corpo. Além disso, trocar sua bebida favorita por uma xícara de Chá Verde quente pode ser uma das opções mais inteligentes. Este líquido rico em antioxidantes pode ser a bebida mais saudável do planeta. Se reduzir o risco de câncer não é suficiente para lhe convencê-lo sobre esta bebida.

O gosto dele é um pouco amargo, de fato, mas a ciência já provou que vale a pena fazer careta pelo monte de vantagem que o Chá Verde pode fazer pela sua saúde. Ele contém quantidades consideráveis de manganês, potássio, ácido fólico, vitamina C, vitamina K, vitamina B1 e a vitamina B2, nutrientes que são essenciais para o bom funcionamento do organismo.

Como acabar com o gosto amargo: Uma solução é acrescentar ingredientes como mel ou frutas no liquidificador, mas você precisa tomar cuidado, já que o mel contém muita caloria. Quando ingerir o chá?
Ele não pode ser tomado logo após as refeições, pois contem cafeína presente nas folhas e pode prejudicar a absorção de ferro no organismo, então, tome sempre uma hora antes ou uma hora depois das refeições, para melhor absorção dos nutrientes.

Benefícios do Chá Verde Para Emagrecer: Os consumidores de refrigerantes podem eliminar mais de 50.000 calorias por ano, trocando o refrigerante favorito por uma xícara de chá quente. Para colocar isso em perspectiva, 3.500 calorias são iguais a aproximadamente 500 gramas. Caso troque somente a refrigerante pelo Chá Verde, você pode economizar 14 quilos de calorias em um ano.

 Benefícios do Chá Verde Por ser um Antioxidante: Chá Verde contém vários antioxidantes, incluindo o galato de epigalocatequina (EGCG), que os pesquisadores ligaram para propriedades curativas medicinais. Além disso, o Chá Verde contém flavonoides e catequinas que podem prevenir o dano celular (incluindo danos relacionados à doença de Alzheimer e outras doenças cerebrais degenerativas) e acúmulo de placa nas artérias.

Benefícios do Chá Verde Para Saúde Cerebral: Elimina o refrigerante, uma bebida carregada de açúcar, e substitua pelo Chá Verde. O Chá Verde contém cafeína para lhe proporcionar um impulso à seu cérebro, mas não o suficiente para deixá-lo com efeitos colaterais instáveis. Além da cafeína, o Chá Verde também contém a L-teanina, um aminoácido que auxilia na produção de dopamina.

Benefícios do Chá Verde Para Saúde Dental: A catequina, o mesmo antioxidante que previne os danos celulares, também protege os dentes. Cientistas estudaram um grupo de homens com sintomas de doença periodontal. Eles descobriram que para cada xícara de Chá Verde que os participantes consumiam diariamente, havia menos sintomas da doença periodontal. Os pesquisadores dizem que isso é provável devido às propriedades anti-inflamatórias do Chá Verde.

Benefícios do Chá Verde Para Saúde do Coração: As mesmas propriedades no Chá Verde que ajudam no mantimento de um cérebro saudável, também oferecem um impulso para saúde do coração. Os antioxidantes presentes no Chá Verde protegem as células dos danos e previne o acúmulo nos vasos sanguíneos. O menor acúmulo nas artérias equivale a um risco menor de doença cardíaca. Um copo quente de Chá Verde oferece as vantagens de café e bebidas doces (incluindo impulsos de energia) sem os aditivos pouco saudáveis.

Pessoas que não devem ingerir o chá: Algumas pessoas como: gestantes, pessoas com hipertensão, glaucoma e doenças psiquiátricas não devem ingerir o chá, pois ele pode interagir com alguns remédios ingeridos, portanto, consulte sempre o seu médico para saber se o consumo é permitido. O chá verde auxilia a acelerar o metabolismo, consequentemente na perda de peso, porém a eficácia garantida está em uma boa alimentação e claro, não sem dispensar os exercícios físicos.

CURIOSIDADES SOBRE O CHÁ

chá é uma bebida preparada através da infusão de folhas, flores, raízes de planta do chá (Camellia sinensis), geralmente preparada com água quente. Cada variedade adquire um sabor definido de acordo com o processamento utilizado, que pode incluir oxidação, fermentação, e o contato com outras ervas, especiarias e frutos.

A palavra “chá” é usada popularmente em Portugal e no Brasil como sinônimo de infusão de frutos, folhas, raízes e ervas contendo ou não folhas de chá (ver tisana). Este artigo trata do chá em sentido estrito e, portanto, não se refere a infusões como, por exemplo, camomila ou cidreira.

História

Historicamente, a origem do chá como erva medicinal útil para se manter desperto não é clara. O uso do chá, enquanto bebida social data, pelo menos, da época da dinastia Tang.

Os primeiros europeus a contactar com o chá foram os portugueses que chegaram ao Japão em 1543.

Em breve a Europa começou a importar as folhas, tornando-se a bebida rapidamente popular, especialmente entre as classes mais abastadas na França e Países Baixos. O uso do chá na Inglaterra é atribuído a Catarina de Bragança, princesa portuguesa que casou com Carlos II da Inglaterra e pode ser situado cerca de 1660. Catarina patrocinava “Tea parties”, onde o chá passou a ser apreciado pelas mulheres e, posteriormente, daí passou a ser também do gosto masculino.

O chá era bebido em cafés e seu consumo foi crescendo desde o final do século XVII, sendo que era bebido a qualquer hora do dia até o início do século XIX, quando a tradição chá da tarde (“five o’clock tea”) foi instituída pela sétima Duquesa de Bedford em Londres.

Influências sobre a saúde

O chá é tradicionalmente usado nos seus países de origem como uma bebida benéfica à saúde em vários aspectos. Recentemente, cientistas têm se dedicado aos estudos dos efeitos do chá sobre o organismo, bem como a conhecer melhor as substâncias que promovem esses efeitos. Todos os tipos de chá possuem praticamente as mesmas substâncias, porém em concentrações muito diferentes devido aos processos de preparação.

Estudos sugerem que o chá tem muitas propriedades benéficas importantes, por exemplo: é anticancerígeno, aumenta o metabolismo, ajuda o sistema imunológico, reduz o mau hálito, diminui o stress, tem efeitos sobre o HIV. É no entanto necessária alguma precaução em relação a estas conclusões, porque não existem praticamente resultados científicos conclusivos e além disso alguns dos estudos feitos (particularmente na China) têm por detrás grandes interesses económicos.

É no entanto de salientar que o excesso de consumo, ou o consumo de chá mal conservado ou mal preparado, têm também efeitos negativos para a saúde. Em particular, o chá possui fluoretos (provocam osteoporose e artrite e são cancerígenos), cafeína (provoca insônia), e oxalatos (provocam problemas renais). Mas, em geral, pode-se dizer que o chá tem sobretudo efeitos benéficos, porque todas estas substâncias têm efeitos benéficos se ingeridas em pequenas quantidades.

As folhas de Camellia sinensis são ricas em flavonoides, um tipo de polifenol, potentes antioxidantes.

O que é e pra que serve chá bugroon?

Sobre o Cha Bugroon

Meu intestino funciona regularmente sem nenhum estímulo. Pelo menos uma vez por dia ele trabalha (sempre de manhã).

Com o uso do Chá Bugroon, que age como laxante, vou ao banheiro até 5 vezes no mesmo dia.

Cada pacotinho de chá rende 2 litros, mas no meu caso não acho necessário tomar os 2 litros no dia. Com o consumo de 1 litro eu já vi resultado, embora eu acredite que isso vai depender de cada pessoa.

Por isso eu costumo fazer o chá no meu trabalho, para que as amigas me ajudem a consumí-lo. E nos fins de semana, eu deixo na geladeira e vou bebendo aos poucos. Também achei interessante intercalar os dias, por exemplo: tomei ele no sábado, ontem e hoje, amanhã eu não bebo.

Além do efeito laxativo, ele também modera o apetite e dá muita sede. O desconforto, além de ficar toda hora indo ao banheiro, é que ele causa um pouco de azia e enjoo – mas é totalmente suportável.

Percebi que minha barriga desinchou, e isso me deixa com a autoestima lá em cima.

Post Blog Diário de uma emagrecente: http://diariodeumaemagrecente.blogspot.com.br/2012/09/sobre-o-cha-bugroon.html

 

CHÁ BUGROON – EMAGRECEDOR NATURAL.

Bugroon é muito eficiente na desintoxicação de todo o seu organismo, reduzindo o colesterol, os trigliceridios e o ácido úrico, combatendo ainda o reumatismo, a azia e má digestão.

Por ser diurético, reduz o acúmulo de líquido retido no organismo, evitando problemas renais.
O uso diário aumenta o movimento peristáltico do intestino preso, fazendo-o funcionar todos os dias.
Apresenta excelentes resultados na ajuda ao emagrecimento natural.

COMPOSIÇÃO:

Chá Branco: Camellia simensis (folhas e talos)
Chá Verde: Camellia simensis (folhas e talos)
Hibisco: Hibiscus sabdariffa L. (flores)
Camomila: Matricaria recutita (capítulos florais)
Capim Cidreira: Cymbopogon citratus starf (folhas)
Boldo: Pneumus boldus molina (folhas)
Stévia: Stevia rebaundiana (folhas)
Hortelã: Mentha Piperita L. (folhas e ramos)
Erva Doce: Pimpinella Anisum L. (sementes)
Limão: Citrus limmonia O. (folhas)

Indicação: Tratamento para redução de peso corporal. CHÁ A BASE DE COMPOSTO DE ERVAS PARA ELIMINAR GORDURAS, COLESTEROL, ÁCIDO ÚRICO, AZIA, MÁ DIGESTÃO E PROBLEMAS RENAIS.

Contra-Indicação: Mulheres na gestação, lactação e período menstrual.

Modo de usar: Tomar 1 copo americano de chá quente, 5 minutos antes e depois das principais refeições ( almoço e jantar ).

Modo de preparar o chá: vide embalagem.

Para Emagrecer: Quando estiver com fome tomar 1 ou 2 copos americanos do Chá Emagrecedor, objetivando inibir a fome!